Tag Archives: fase de cruzeiro

É proteína pura ou…

22 abr

… Eu me mato! rs

Brincadeira, não chegaria a esse extremo, mas já passou da hora de encontrar minha força de vontade perdida, arrancá-la de seu esconderijo e usá-la novamente. Por isso, levantei da cama decidida a retomar a dieta de proteínas puras do Dukan, por pelo menos 3 dias, assim depois posso retomar a fase de cruzeiro mais decentemente e sem furos, pelo menos por ora.

Minha semana já começou com um café da manhã com chá e omelete de claras de ovos e no almoço carne, daqui a pouco para o lanchinho da tarde vou de iogurte natural e mais tarde, que normalmente costuma ser minha ‘hora do crime’ vou preparar um bolinho de caneca, de farelo de aveia e talvez umas panquecas Dukan.

É isso, motores funcionando, estamos de volta aos trilhos. Se a vida não anda de um lado, vamos fazer andar do outro, já que esse, só depende de nós mesmos. Hoje perdi a academia, mas mais tarde vou encarar uma aula de Tae Bo.

FUERZA!

images

 

Fase de cruzeiro: Os primeiros dias e as ‘adaptações’

16 fev

Olá,

Hoje estou aqui pra escrever sobre os primeiros dois dias e meio da fase de cruzeiro do método Dukan. Bem, como eu disse no post anterior, fiz algumas adaptações nessa fase, pra evitar cair em tentações gordurosas e/ou abandonar a dieta de vez. E também optei por fazer a dieta 5/5 ao invés de 1/1 (cinco dias de PL e cinco dias de PP).

No primeiro dia dessa fase, que foi quinta-feira passada, inseri, além dos legumes e verduras, algumas frutas (melão, melancia e carambola) e alguns carboidratos (arroz integral, torradas light e cookies integrais). Os carboidratos eu procurei comer a menor quantidade possível, mas comi =/, nas frutas eu exagerei um pouco, comi mais ou menos à vontade. Mas, mantive a base da alimentação, ou seja, as maiores porções de carnes e verduras.

Fiz uma receita que eu AMO, só que na versão light, uma lasanha de berinjela, com tudo o que é permitido na fase de cruzeiro, vou deixar a receitinha ali embaixo, pra quem quiser experimentar. Fiz uma travessa pequena e comi quinta, ontem e hoje, rendeu! Comi junto bastante salada, uma porção de carne e uma colher de arroz integral. No café da manhã comi algumas torradas com requeijão light, porções de frutas e um copo de leite desnatado com achocolatado light (achei um ótimo, com 0% de gordura) ou um iogurte batido com leite. Experimentei também a panqueca que o Dukan dá a receita no livro, ficou muito gostosa, bem leve, recheei com presunto e queijo e comi no café da manhã de hoje. Os cookies integrais foram mais para o meio da tarde quando bate aquela fominha, acho que os deslizes foram esses.

exercicios

Estou fazendo o possível para não abandonar as caminhadas, mas com exceção do primeiro dia de todos, que comecei a academia, nunca mais consegui ir sem o pé estar machucado. Por isso, acabo pulando dois ou três dias para o pé se recuperar. Fiquei super triste porque comprei um tênis novo, ótimo para caminhada/corrida, mas ele machuca muito o meu pé, a ultima vez que usei fez uma bolha surreal nos calcanhares, tipo ‘queimou’ a pele, vocês não tem ideia de como ficou feio. Fui ao médico, porque inflamou, deu febre… Ele receitou uma pomada anti inflamatória e um comprimido anti inflamatório também, hoje senti que os machucados estavam mais sequinhos, coloquei uma papete, aberta atrás e fui para a minha caminhada. Estou achando prazer em fazer exercícios, hoje eu precisava ir, nunca pensei que fosse dizer isso, mas estava sentindo falta de ir lá, ter aquela meia horinha de paz, com meus fones de ouvido, minhas músicas, suar, molhar a camisa, parece que saio mais leve, deixo tudo de ruim lá. Consegui caminhar quarenta minutos e agora vou usar esse recurso da papete, não é o ideal, mas pelo menos, não preciso abandonar meus exercícios.

Há, esqueci de citar, mas comprei também um suco light, gelatinas e um pudim 0% de açúcar, para aqueles momentos de desespero. Se vocês tiverem aí algumas dicas de alimentos, deixem aqui nos comentários, vamos trocar ideias, receitinhas. E também, se alguém souber algum truque para o tênis não machucar o pé, agradeço…rs.

2824720_orig

Primeiro, para quem não tem a receita da Panqueca Dukan, aí vai.

Ingredientes:

Duas colheres de sopa de farelo de aveia

Um ovo inteiro

Uma colher de sopa de requeijão light

Modo de preparo:

Bata tudo no liquidificador, passe um pouquinho de azeite ou óleo numa frigideira antiaderente, tire o excesso com papel toalha e espalhe a massa, vire até cozinhar por igual. Está pronto!

Lasanha de Berinjela

Ingredientes:

Uma berinjela média (para uma travessa pequena)

100 g de presunto magro ou peito de peru

100 g de mussarela light

quatro tomates maduros

100 g de carne moída

temperos

Modo de preparo:

Para o molho, coloque os tomates (eles devem estar maduros, mas firmes, fica mais fácil tirar a pele) numa panela com água e deixe ferver por cerca de cinco minutos, ou até eles começarem a rachar. Desligue, tire a pele e as sementes e reserve. Refogue a carne moída com os temperos que desejar, eu usei sal, pimenta do reino, orégano e manjericão. Com os tomates pelados e sem sementes, bata no liquidificador, junte o molho à carne moída, acrescente um pouco de água (a quantidade de água depende se você quer o molho mais ralo, ou mais grosso) e deixe ferver.

Corte a berinjela em fatias (eu preferi tirar a casca e o máximo de sementes que consegui, sempre fiz assim e acho que a receita fica mais leve, mas quem preferir usar tudo, fique à vontade), numa panela de água fervente deixe as fatias cozinharem por cerca de cinco minutos, só para amolecerem um pouco.

Na montagem, comece com uma camada de molho, uma de berinjela, eu usei presunto magro, mas pode ser peito de peru e uma de mussarela light (eu achei um milagre essa mussarela, ela é muito, mas muito menos salgada e gordurosa que a normal, e não contém carboidratos, fica uma delícia, derrete, muito boa, mesmo). Finalize com o molho e coloque no forno, quando estiver borbulhando, está pronta.

Espero que gostem!

keep-calm-and-se-joga-na-dukan

10º dia: Os resultados!

13 fev

Bem, hoje (quarta-feira, 13/02/2013) começou com os resultados da primeira fase, o ataque de proteínas puras do método Dukan. Fiz um balanço desses dias:

Primeiro e segundo dias: Foi tudo ótimo, minha determinação estava a mil, comi só o que é recomendado e nem senti.

Terceiro dia: Foi mais complicado, comecei a sentir muita falta de massa, minha boca aguava só de pensar num pãozinho, arroz, batata, mas continuei firme e não caí em tentação.

Quarto, quinto e sexto dias: Voltei à tranquilidade, sem ficar pensando muito no que não era permitido comer, mas, senti falta de salada e frutas. A fome sumiu, mas, para não correr o risco de passar mal, ficar com tonturas ou fraqueza, comia mesmo antes de sentir fome.

Sétimo dia: Caiu bem no domingo, foi complicado também, tive um pequeno deslize e recheei a panqueca (receita Dukan, com farelo de aveia) com doce de leite normal, duas colheres de sobremesa. Mas, procurei não ficar me culpando por isso.

Oitavo e nono dias: Na segunda eu caí mais uma vez, comi uma fatia de pão de forma comum, com mais uma colher de sobremesa de doce de leite. Ontem, nono dia, consegui me manter firme. Só um pequeno mal estar, mas foi porque demorei muito pra fazer uma refeição mais reforçada, depois de ter feito exercícios, tomei só um iogurte e na hora do almoço minhas pernas já estavam fracas.

Décimo dia: Está no começo ainda (escrevo isso 7h30 da manhã), mas não passei a noite bem, acordei de madrugada ansiosa, angustiada, com medo de tudo, tipo, da vida mesmo, levantei, tomei um café com leite desnatado e adoçante e comi (shame) duas torradas temperadas. Mas, antes de mais nada, me pesei e o resultado foi satisfatório, graças a Deus. Perdi 4 kg.  Fiquei feliz, pois, temos que pensar que dez dias, 4 quilos, é um bom número, vai. De olhar no espelho, não consigo perceber, visualmente, nenhuma diferença e creio que não acontecerá antes dos primeiros dez quilos, pelo menos, mas os efeitos internos eu sinto desde o primeiro dia, estou mais disposta, bem humorada, me sinto mais saudável, como se estivesse limpando meu corpo de todos esses anos de uma alimentação desregrada e desenfreada.

Hoje ainda pretendo manter as proteínas puras, amanhã começarei com a fase de cruzeiro (uma semana de proteínas+legumes/verduras, por uma semana de proteínas puras), mas, para não correr o risco de cair de vez em tentações mais prejudiciais das que eu cometi até agora, decidi adaptar um pouco a dieta, estou ciente de que isso pode retardar os resultados do método, visto de quando é seguido à risca, mas, acho melhor fazê-lo do que correr o risco de abandonar de vez.

Minha ideia é, para não correr o risco de, na hora do desespero, comer alguma coisa gordurosa, cheia de carboidratos ruins, deixar em casa, como opção, arroz, pão, torradas, bolachas, tudo integral e frutas, e quando tiver que consumi-los, fazer na semana das PL e manter o rigor nas semanas das PP. Admiro quem consegue seguir a risca essa fase, que é a mais longa, eu cheguei à conclusão que pra mim, será mais fácil recorrer à esses recursos para fugir da desistência definitiva da dieta.

Levando em conta que vou REALMENTE banir da minha vida (pelo menos, por um bom tempo) as guloseimas, doces, refrigerantes, fast food, frituras, carboidratos normais (tipo, pão francês, arroz comum, massas, batatas, etc), acredito que esses ‘acréscimos’ que farei, podem não ser o estritamente recomendável, mas, não serão tão prejudiciais. Como eu disse, por mais que retarde um pouco o processo, vou manter a alimentação saudável, regrada, os exercícios e creio que todo o sacrifício que continuarei fazendo ( já que de qualquer maneira, abrirei mão de tudo que sempre amei comer e de muitas coisas que as pessoas comem ‘normalmente’, como o arroz e feijão de cada dia), culminarão na perda de peso, de qualquer maneira.

Resumo da fase de ataque do método Dukan:

Duração: Dez dias

Peso Inicial: 120 kg

Peso Final: 116 kg

250691_208920875913248_1391899766_n

 

Em frente!

%d blogueiros gostam disto: