Arquivo | Receitinhas RSS feed for this section

[Receita] Frango ao molho branco

24 set

sanduiches-de-feltro

Ás vezes me dá a louca e meto a testar coisas na cozinha. Essa receita é de praxe aqui em casa, não sei se ela existe, se tem um nome, mas, saiu na invenção aqui. Dessa vez, elaborei pra uma versão mais saudável, pois, estou tentando seguir uma certa dieta, mesmo que não seja ao pé da letra. Ela não é Dukan, mas, essa opção light fica deliciosa e menos calórica. Vamos lá!

Ingredientes:

Três filés de frango cortados em cubos ou desfiados

Uma caixinha de creme de leite light

Uma lata de milho em conserva

Requeijão light

Temperos

**Para a versão normal: Creme de leite e requeijão normal e batata palha

Modo de preparo:

Cozinhe o frango com os temperos (eu coloquei sazón zero gordura, orégano e pimenta do reino). Deixe a água secar, nessa etapa, como gosto do frango bem douradinho eu coloco um fio de azeite e deixo ele refogar, mas, quem não quiser, pode pular essa etapa.

Com o fogo já desligado, coloque o milho (sem a água), o creme de leite e duas colheres de sopa de requeijão, misture e coloque numa travessa.

Espalhe mais um pouco de requeijão por cima e leve ao forno pra gratinar (cerca de 30 minutos a 180º)

frango-creme-milho

Na versão normal colocamos batata palha como acompanhamento.

É ideal para comer com arroz e salada. Na versão light, estou comendo com arroz integral.

Dicas e receitas saudáveis

30 ago

Olá pessoas bonitas, como estão?

Hoje passei pra deixar aqui algumas dicas e receitinhas saudáveis para o café da manhã, lanche da tarde ou para aqueles momentos do dia em que bate aquela fominha. Tudo para os dukanians ou não. Enjoy!

panquecas-com-aveia-e-castanha-do-para-02

Panquecas de farelo de aveia Dukan:

Duas colheres de sopa de farelo de aveia

Duas colheres de sopa de leite desnatado

Um ovo

*opcional: Uma colher de sopa de requeijão light (eu particularmente não coloco o requeijão na massa, fica a mesma coisa, prefiro passar o requeijão nela pronta e comer com peito de peru ou presunto, como se fosse um pãozinho).

Recheios:

Essa massa de panqueca é extremamente versátil, pode ser consumida com recheios tanto doces quanto salgados, darei aqui algumas receitinhas que eu fiz por mim mesma.

Misto quente:

Mussarela light (lembrando que a mussarela light é rica em proteínas, tem poucos carboidratos e o sabor não deixa nada a desejar da mussarela comum, ela é bem sequinha)

Presunto magro

Orégano

Requeijão light

Tomate (fase de cruzeiro)

images

Sanduíche frio:

Requeijão light

Peito de peru

Alface (fase de cruzeiro)

Tomate (fase de cruzeiro)

molho

**Molho para temperar salada:

Suco de limão

Um fio de azeite

Pitada de sal

Orégano

Pimenta do reino

Salsa seca

Temperos à gosto

**Quem prefere um molho cremoso ou outra apresentação pode acrescentar

Iogurte desnatado

Mostarda

Recheios doces:

O melhor e mais saudável é fazer uma combinação de frutas. Quando faço isso costumo misturar frutas picadas com mel, as melhores frutas cruas (para o meu gosto), são:

frutas-vermelhas

Morango

Blueberry

Framboesa

Amora

Agora, quem preferir pode fazer os recheios quentes, que ficam deliciosos.

banana-com-canela

Banana ou maçã com canela:

Corte a (ou as) banana ou maçã, coloque numa panela antiaderente e adicione uma colher de sopa de adoçante para forno e fogão, deixe a fruta dar uma cozinhada e absorver o adoçante, acrescente canela em pó e sirva.

Essas receitas são ótimas para as dukanians, a panqueca de farelo de aveia é alimento chave em qualquer fase da dieta, Mas, pra quem segue outras dietas também é uma ótima pedida, alimento saudável, com pouquíssimas calorias e cheio de fibras.

Frutas são sempre a melhor pedida para aqueles momentos que precisamos de um doce, mas eu, como estou fora da dieta esses dias, acabei comendo essas panquecas com doce de leite, ficam maravilhosas!

Quem não segue Dukan, ou não segue ao pé da letra (como eu, ás vezes…) e mesmo assim quer um lanchinho saudável, pode optar por esses recheios salgados, utilizando o pão integral.

dieta-cha-amarelo

Para acompanhar eu prefiro um chá, que também é liberado na maioria das dietas e à vontade. Me acostumei a tomar chá sem açúcar e quase sem adoçante, meus favoritos são de frutas e flores, mas também gosto dos bons e tradicionais erva doce, chá verde, camomila.

Só pra finalizar, sempre que fizerem suas receitas, não esqueçam que a canela e a pimenta são termogênicos naturais.

Espero que tenham gostado e se tiverem alguma receitinha saudável e quiserem compartilhar, mandem para: eraumavezeumesma@gmail.com

Até a próxima! =)

Receitinhas light

2 mar

Bem, como disse anteriormente, vou deixar aqui algumas receitinhas práticas, super saudáveis e light que eu consumi durante esse período de pecado que tive durante essa semana. Não é tudo Dukan, mas as coisas são bem saudáveis e tudo muito fácil de fazer. Vamos lá!

2824720_orig

 

Salada de atum

Igredientes:

Folhas de alface (usei a lisa, mas pode ser qualquer uma)

Tomate

Pepino

Uma lata de atum conservado em água

Mostarda

Iogurte desnatado

Temperos

Modo de preparo:

Pique o alface, tomate e pepino, coloque num refratário. Escorra a água do atum (comprei um que vem ralado, é light e conservado em água, ótimo!) e misture-o às verduras. Tempere a gosto. Coloque uma colher de sobremesa de mostarda, uma colher de sopa de iogurte desnatado, misture tudo e pronto! Refrescante, gostosa e saudável.

 

Risotto de carne (Sabe aquelas receitas que você pega tudo o que tem na geladeira, mistura e coloca no forno? Então, é mais ou menos isso, na versão light…rs)

Ingredientes:

Arroz integral

Carne

Molho de tomate fresco

Azeitonas

Um ovo cozido

Mussarela light

Presunto

Temperos

Modo de preparo:

Prepare o arroz normalmente, e a carne também, pode ser refogada, cozida, grelhada. O molho eu fiz com tomates frescos, fica leve e bem natural. Coloque o molho no fogo com os temperos que preferir, misture um pouco de azeitonas picadas, um ovo cozido e coloque a carne e o presunto para cozinharem um pouco junto. Coloque o arroz num refratário, misture algumas fatias de mussarela light grosseiramente picadas, junte o molho, coloque mais algumas fatias de mussarela inteiras em cima e coloque no forno até o queijo derreter. JURO que fica maravilhoso!

 

Misto quente de forno

Ingredientes:

Pão integral em fatias

mussarela light

presunto

requeijão light

tomate

orégano

Modo de preparo:

Unte um pirex pequeno com um pouco de azeite, retire o excesso com papel toalha. Tire as cascas do pão e faça uma camada sob o pirex. Passe requeijão sob as fatias de pão, coloque uma camada de presunto, uma de mussarela, rodelas de tomate e um pouco de orégano. Repita a operação e termine com mussarela, tomate e orégano. Coloque no forno por aproximadamente 20 minutos. Fica delicioso e substitui muito bem aqueles lanches cheios de gordura ou até mesmo uma pizza.

 

Strognoff de carne ou frango

Ingredientes:

Carne ou frango

Molho  de tomate fresco

creme de leite light

Um ovo cozido

Temperos

Modo de preparo:

A carne ou o frango, preparados previamente, da maneira que vocês acharem melhor, deve ser cortado em iscas ou cubos. Deixe o molho de tomate encorpar junto com os temperos, acrescente a carne e o ovo cozido picado, deixe apurar um pouco, coloque algumas colheres de creme de leite light. Como o Dukan não recomenda nem o uso do creme de leite light, coloquei apenas duas colheres de sopa rasas, só mesmo pra dar uma cremosidade. Consuma com arroz integral.

 

Eis minhas experimentações na cozinha, espero que gostem! =)

Rocambole de carne moída – Fase de ataque ou PP

20 fev

2824720_orig

 

Ingredientes:

100 g de carne moída

Duas fatias de presunto magro

Duas fatias de mussarela light

Um pote de iogurte natural desnatado

Temperos

Modo de preparo:

Numa vasilha tempere a carne moída com sal, pimenta do reino, orégano  manjericão e/ou temperos a seu gosto. Depois de misturar bem os temperos, use o iogurte desnatado para dar liga e formar uma espécie de ‘massa’.

Polvilhe uma tábua ou assadeira com um pouquinho de farelo de aveia, para não grudar, espalhe a carne, coloque as fatias de presunto, o queijo e enrole. Leve para assar.

Essa quantidade de carne dá um rocambole pequeno, mas para mim serviu 3 refeições tranquilamente. Fica uma delícia!

 

 

Fase de cruzeiro: Os primeiros dias e as ‘adaptações’

16 fev

Olá,

Hoje estou aqui pra escrever sobre os primeiros dois dias e meio da fase de cruzeiro do método Dukan. Bem, como eu disse no post anterior, fiz algumas adaptações nessa fase, pra evitar cair em tentações gordurosas e/ou abandonar a dieta de vez. E também optei por fazer a dieta 5/5 ao invés de 1/1 (cinco dias de PL e cinco dias de PP).

No primeiro dia dessa fase, que foi quinta-feira passada, inseri, além dos legumes e verduras, algumas frutas (melão, melancia e carambola) e alguns carboidratos (arroz integral, torradas light e cookies integrais). Os carboidratos eu procurei comer a menor quantidade possível, mas comi =/, nas frutas eu exagerei um pouco, comi mais ou menos à vontade. Mas, mantive a base da alimentação, ou seja, as maiores porções de carnes e verduras.

Fiz uma receita que eu AMO, só que na versão light, uma lasanha de berinjela, com tudo o que é permitido na fase de cruzeiro, vou deixar a receitinha ali embaixo, pra quem quiser experimentar. Fiz uma travessa pequena e comi quinta, ontem e hoje, rendeu! Comi junto bastante salada, uma porção de carne e uma colher de arroz integral. No café da manhã comi algumas torradas com requeijão light, porções de frutas e um copo de leite desnatado com achocolatado light (achei um ótimo, com 0% de gordura) ou um iogurte batido com leite. Experimentei também a panqueca que o Dukan dá a receita no livro, ficou muito gostosa, bem leve, recheei com presunto e queijo e comi no café da manhã de hoje. Os cookies integrais foram mais para o meio da tarde quando bate aquela fominha, acho que os deslizes foram esses.

exercicios

Estou fazendo o possível para não abandonar as caminhadas, mas com exceção do primeiro dia de todos, que comecei a academia, nunca mais consegui ir sem o pé estar machucado. Por isso, acabo pulando dois ou três dias para o pé se recuperar. Fiquei super triste porque comprei um tênis novo, ótimo para caminhada/corrida, mas ele machuca muito o meu pé, a ultima vez que usei fez uma bolha surreal nos calcanhares, tipo ‘queimou’ a pele, vocês não tem ideia de como ficou feio. Fui ao médico, porque inflamou, deu febre… Ele receitou uma pomada anti inflamatória e um comprimido anti inflamatório também, hoje senti que os machucados estavam mais sequinhos, coloquei uma papete, aberta atrás e fui para a minha caminhada. Estou achando prazer em fazer exercícios, hoje eu precisava ir, nunca pensei que fosse dizer isso, mas estava sentindo falta de ir lá, ter aquela meia horinha de paz, com meus fones de ouvido, minhas músicas, suar, molhar a camisa, parece que saio mais leve, deixo tudo de ruim lá. Consegui caminhar quarenta minutos e agora vou usar esse recurso da papete, não é o ideal, mas pelo menos, não preciso abandonar meus exercícios.

Há, esqueci de citar, mas comprei também um suco light, gelatinas e um pudim 0% de açúcar, para aqueles momentos de desespero. Se vocês tiverem aí algumas dicas de alimentos, deixem aqui nos comentários, vamos trocar ideias, receitinhas. E também, se alguém souber algum truque para o tênis não machucar o pé, agradeço…rs.

2824720_orig

Primeiro, para quem não tem a receita da Panqueca Dukan, aí vai.

Ingredientes:

Duas colheres de sopa de farelo de aveia

Um ovo inteiro

Uma colher de sopa de requeijão light

Modo de preparo:

Bata tudo no liquidificador, passe um pouquinho de azeite ou óleo numa frigideira antiaderente, tire o excesso com papel toalha e espalhe a massa, vire até cozinhar por igual. Está pronto!

Lasanha de Berinjela

Ingredientes:

Uma berinjela média (para uma travessa pequena)

100 g de presunto magro ou peito de peru

100 g de mussarela light

quatro tomates maduros

100 g de carne moída

temperos

Modo de preparo:

Para o molho, coloque os tomates (eles devem estar maduros, mas firmes, fica mais fácil tirar a pele) numa panela com água e deixe ferver por cerca de cinco minutos, ou até eles começarem a rachar. Desligue, tire a pele e as sementes e reserve. Refogue a carne moída com os temperos que desejar, eu usei sal, pimenta do reino, orégano e manjericão. Com os tomates pelados e sem sementes, bata no liquidificador, junte o molho à carne moída, acrescente um pouco de água (a quantidade de água depende se você quer o molho mais ralo, ou mais grosso) e deixe ferver.

Corte a berinjela em fatias (eu preferi tirar a casca e o máximo de sementes que consegui, sempre fiz assim e acho que a receita fica mais leve, mas quem preferir usar tudo, fique à vontade), numa panela de água fervente deixe as fatias cozinharem por cerca de cinco minutos, só para amolecerem um pouco.

Na montagem, comece com uma camada de molho, uma de berinjela, eu usei presunto magro, mas pode ser peito de peru e uma de mussarela light (eu achei um milagre essa mussarela, ela é muito, mas muito menos salgada e gordurosa que a normal, e não contém carboidratos, fica uma delícia, derrete, muito boa, mesmo). Finalize com o molho e coloque no forno, quando estiver borbulhando, está pronta.

Espero que gostem!

keep-calm-and-se-joga-na-dukan

%d blogueiros gostam disto: